Sábado, 3 de Fevereiro de 2007

...

 

 
 
 
 
 
O CANto dAS LetRAs
 
 
 

 

São importantes as palavras...

 

 

AS PALAVRAS
 
 
São Tantas as Palavras!
São Belas as Palavras!
São Importantes as Palavras!
 
Há palavras p’rá manhã, palavras p’ró dia, p’ró entardecer, p’rá noite, p’ra quando se vai adormecer; há palavras ricas, fartas, cheias e as que não sendo ricas não deixam de o ser; Há palavras de gratidão, de afecto, de dor; há palavras que riem connosco e choram se preciso for; há palavras que ditas se diluem, correm como o mar, mas há palavras que se colam a nós p’ra não nos deixar; há palavras doces como o mel que nos deixam lânguidos, mas há palavras que transbordam o fel; há palavras que são puro massacre, que de tão pesadas e duras nos fazem sofrer, palavras, armas de arremesso, que magoam mesmo sem se ver; há palavras que cheiram! Têm cheiro a mar, ao perfume das flores, à brisa que passa no ar; há palavras que se dizem sem querer, palavras que depois de ditas queremos recolher; há palavras que têm cor! São verdes as palavras que bendizem a natureza, a terra, uma flor; são vermelhas as palavras que falam de amor; há palavras que os poetas dizem, brancas quando falam da alma, pretas quando esparramam a dor; há palavras gratas que gostamos de dizer, palavras que escondem a amizade que não podemos viver; há palavras sábias, certas que nos fazem crer; há palavras de profissão, palavras que levamos quando vamos ganhar o pão; há palavras para louvar a vida mesmo quando não se sabe viver; há palavras da moda, que aparecem para voltar a desaparecer; há as que dizem tudo sem nada dizer; há palavras que sabemos e nunca dizemos p’ra ninguém até morrer; há palavras pequeninas como as crianças, palavras que nos acrescentam, nos fazem crescer; há palavras que se dizem ao luar, de mãos dadas, vestido de chita, p’ra namorar.
Há tantas palavras! Palavras que como a Laranja, se comem, se bebem, fazem sonhar! São palavras da imaginação, que nos levam acima e nos põe no chão; palavras de fantasia e desilusão.
Há palavras que dissemos, as que dizemos e as que sabemos que nunca mais podemos dizer!
 
Há palavras que pertencem ao infinito!?
São Belas as Palavras...
 
Laranjas de Marca:
publicado por raparigadaslaranjas às 12:58
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Janeiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Laranjas

É Aqui Que Vivo Agora!

Mares!

Só se vê bem com o coraçã...

Laranjas podres

NATAL!

Ofertas de Natal

Melhores pensadores e Mel...

Silêncios!

Mudo Silêncio

Hoje

Cesto das Laranjas

Janeiro 2009

Julho 2008

Abril 2008

Dezembro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Laranjas de Marca

cantar o mundo(27)

canto da natureza(4)

canto das letras(7)

canto das palavras(5)

canto dos contos(5)

contar o mundo(44)

letras e palavras(1)

rota das laranjas(10)

todas as tags

blogs SAPO

O Logótipo

Rapariga das Laranjas
2006 - Código

O Canto dos Blogs

An'arka

Azoriana Blog
Azoriana Blog


IDEIAS E IDEAIS
Ideias e Ideais


Ailaife Blog

Bioterra

Colcha de Retalhos

O Canto dos Prémios




Prémio - Blog «Ideias e Ideais» aprova e recomenda este blog

O Contador

MÚSICA

A Rota das Laranjas

subscrever feeds